E a história continua… a mesma

E a Apple continua na liderança… com um valor estimado de US$ 184 bilhões.  Chama atenção a queda da Coca-Cola.

https://www.tecmundo.com.br/mercado/122438-surpresa-5-ano-seguido-apple-marca-valiosa-mundo.htm?f&utm_source=facebook.com&utm_medium=referral&utm_campaign=thumb

Aparecer ou não aparecer… eis a questão….

Está dando o que falar, ao menos nas redes sociais nas quais eu interajo, o mico que o Carrefour passou na final do Master Chef. Isso porque, um dos competidores teve sua vitória colocada em risco por culpa de um coco estragado. A produção do programa atribuiu à culpa a participante, que também assumiu a responsabilidade, mas será que o público entendeu a mensagem?

Read More

Neuromarketing – A busca pelo prazer imediato

Uma das vantagens mais interessante quando tratamos das pesquisas em Neuromarketing aplicadas ao consumo, é o ato de entender o que se passa dentro da cabeça dos consumidores, ou como sempre destaco em minhas aulas e palestras, minimizar as pequenas “mentirinhas” dos consumidores no momento de avaliar um produto, marca, embalagem, propaganda ou uma ação de Marketing.

Read More

As noites de insônia de um mercadólogo(a)

Análise de dados, internet das coisas, mapeamento do consumidor, marketing de conteúdo, storytelling, viral, entre outras ferramentas que surgem a todo momento para as empresas se relacionarem com o seu mercado. De forma simplificada, pode-se entender como todas as formas de relacionamento com os consumidores que surgem, e que as organizações “correm atrás do rabo” para poder se manter atualizadas, tanto para com os seus consumidores, como superior aos concorrentes.

Read More

Vale a pena ficar fora da TV a cabo?

Nos últimos quinze dias acompanhamos, ou deixamos de acompanhar por que essas emissoras não estão mais em nossa grade de canais, a briga entre as emissoras de TV aberta SBT, RECORDTV e REDE TV com as operadoras de TV a cabo NET e SKY. As emissoras alegam que deveriam ser remuneradas pelo conteúdo que é transmitido pelas operadoras, nos mesmo moldes (ou talvez com valores maiores porque negociam em conjunto) que a Globo e a Bandeirantes.

Read More

Operação “carne fraca” e suas relações com o Marketing

Em todas as mídias, o que mais se fala é a investigação da polícia federal denominada de “Carne Fraca” e as irregularidades encontradas em frigoríficos do Brasil, no qual se encontram as gigantes BRF e JBS. Ao que tudo indica, essas marcas sairão com a sua imagem arranhada frente a opinião pública, tanto nacional como internacional. Em termos exclusivamente de Marketing, como essas empresas poderiam agir para minimizar os efeitos nefastos para a sua marca?

Read More

Marketing é vendas…? Vendas é Marketing…?

Bom, esse é um dos grandes paradoxos que encontramos em nossa área, talvez com maiores repercussões que o famoso “Tostines vende mais porque é mais fresquinho, ou mais é fresquinho por que vende mais? ”, não é mesmo? Quantas vezes você já não ouviu as pessoas comentarem que fulano é um bom marqueteiro devido ao seu desempenho superior aos seus colegas vendedores, ou devido a sua “lábia” por conseguir vender até areia no deserto, ou picolés para pinguim? Já presenciou, não é mesmo? Mas… será que isso é Marketing?

Read More

O problema da cerveja Proibida

Começamos o ano com uma polemica nas mídias sociais, o lançamento da cerveja Proibida Puro Malte: Rosa Vermelho – Mulher. Até a semana passada foram mais de 5 mil comentários nas redes sociais criticando a marca por rotular as mulheres, isso porque “lemos”, indiretamente, que cerveja para mulher deve ser “delicada e perfumada”. Mas, o que houve de errado com a estratégia da marca? Afinal, as marcas tradicionais de cerveja não são acusadas de machismo em suas campanhas publicitárias? Qual o problema em direcionar o produto para as mulheres?

Read More